Link1 Link2 Link3 Link4 Link5 Image Map

Entrevista com Carina Rissi

Ola QUERIDAS LETRAS, é com um enorme prazer que venho dividir com vocês a entrevista concedida pela minha mais nova escritora favorita 
CARINA RISSI.

Ao meu ver esse contato com os escritores é tao Maravilhoso, que seria ótimo se todos tivessem esse tempinho para nos dar um pouquinho de atenção.  Mas sabemos que é difícil, porém com o avanço da tecnologia é bem mais pratico, sem desmerecer claro ao "cara a cara"...

Então, fui apresentada a autora... ou melhor ao Ian e a Sofia (lindos)  e logo me interessei a saber mais sobre a Carina, daí consegui um contato pelo seu Twitter @CarinnaRissi, onde logo fui cativada por sua simpatia, ainda mais quando me confirmou essa entrevista.
E lá vamos nós, sem mais enrolação, matar quem esta nos matando... A curiosidade rs 



 @LuHH89 -  Fale-nos um pouco sobre quem é Carina Rissi!
@CarinnaRissi - Eu sou Carina Rissi, tenho 33 anos, sou escritora, moro em Ariranha, uma cidadezinha do interior de São Paulo. Sou viciada em livros, chocolate, pizza e esmaltes.




@LuHH89 -  Como e quando ocorreu seu interesse pela arte da leitura até chegar a ser uma escritora?
@CarinnaRissi - Sempre fui ligada a literatura. Meu amor pelos livros começou bem cedo, antes mesmo de eu aprender a ler. Eles sempre foram presença constante em minha vida, mas só um tempo atrás descobri que eu poderia fazer parte desse universo como autora. 


@LuHH89 -  De onde vem tanta inspiração para escrever suas obras de uma forma tão dinâmica e bem humorada como Procura-se um marido!
@CarinnaRissi -  Eu não sei dizer. O estopim pode ser qualquer coisa, um micro-ondas como em Perdida, ou a lava-louças no caso de Procura-se..., a Briana (heroína do “meu irlandês”) surgiu enquanto eu ouvia Adele, a Luna nasceu depois que eu tropecei num site de misticismo. Ler bons livros sempre me inspiram. Quando leio Jane Austen quero escrever uma dúzia de livros, ela faz parecer tão fácil! Não é, eu sei, mas mesmo assim o desejo existe, e de uma forma ou de outra acaba por influenciar na trama ou no personagem. O Max, por exemplo, levei um tempo para entender que era minha versão do Sr. Darcy.
  

@LuHH89 -   Tendo em vista de que suas obras têm um dialeto bem simples e cativante, gostaríamos de saber qual o seu estilo de leitura que acarreta no seu estilo de escrita?
@CarinnaRissi -  Ah, com certeza influencia, sim. Eu amo chick lit! Leio muito Jane Austen, Marian Keyes, Sophie Kinsella, Meg Cabot, e acredito que essas autoras tenham total influência sobre meu estilo.


@LuHH89 -  Curiosidade: Alguma mania por Letra “P” ou tênis All Star nas Capas dos livros? Ou apenas gosta de deixar visivelmente mais atrativo para os leitores!
@CarinnaRissi - Hahahahaha  Foi coincidência mesmo. Quase mudei o título de Procura-se para Aluga-se Um Marido, mas fiquei com medo de passar a ideia errada. A capa de Perdida foi uma escolha minha, já a de Procura-se foi da editora Verus. Achei a menina muito Alicia (aquele olhar meio “não mexe comigo hoje”, a maquiagem borrada) e quando vi o tênis então, achei perfeita. Rolou uma identificação visual com meu primeiro trabalho, o que foi ótimo, mas não sei se será um padrão para os próximos. O título do meu novo trabalho é No Mundo da Luna, e não tenho certeza se uma menina de tênis se encaixaria no perfil da Luna.


@LuHH89 -  Todo Autor tem sempre a sua Obra Prima, podemos assim dizer. Quais de seus livros, é o seu queridinho e por quê?
@CarinnaRissi -  Ai, que difícil! É como pedir para uma mãe escolher seu filho favorito. Amo Perdida e ele sempre será especial para mim, foi onde tudo começou. Procura-se Um Marido foi a virada na minha carreira e sou completamente apaixonada pela Alicia. Eu gosto de pensar que ainda não escrevi meu preferido, que o próximo será meu melhor trabalho, sabe? Cada vez vou aprendendo e melhorando, me aperfeiçoando. Hoje eu diria que é No Mundo da Luna, provavelmente vou mudar de ideia quando começar um novo projeto, e assim vai.



@LuHH89 -  O que é mais difícil de escrever em um livro, o início, o enredo, o final, cenas mais picantes ou decidir o título? E dentre os seus, qual e o que foi o mais difícil de escrever?
@CarinnaRissi -  Pra falar a verdade, o que eu acho mais difícil de escrever é a sinopse. Você tem que vender a ideia, deixar o leitor com vontade de saber mais, mas sem contar nada usando apenas 1000 palavras. Por isso só consigo criar as sinopses depois que concluí o projeto. O título acaba vindo em algum momento e a trama meio que caminha sozinha, mas a sinopse me faz suar frio rsrs.  
Excluindo as sinopses, a cena mais difícil de escrever foi aquela em que a Sofia vai até a casa do Ian e se depara com os quadros, a carta... Eu estava muito dentro dela e carga emocional era grande demais. Fiquei arrasada por dias.



@LuHH89 -   Li uma entrevista sua que a história de Perdida começou a surgir numa noite em que ficou sem energia elétrica na hora do jantar e não conseguia se virar sem o micro-ondas, de alguma maneira você foi se identificando com a personagem, levando em consideração a dependência pela tecnologia?
@CarinnaRissi -  Claro, muito! Sou a favor de tudo que facilite minha vida (micro-ondas, lava-louças, secador de cabelo, computador, etc) e emprestei isso a Sofia. Foi essa dependência que me fez querer escrever Perdida. Era para ser um livro sobre as diferenças culturais entre o século 19 e 21, eu não sabia que ela se apaixonaria e tudo tomaria outro rumo.



@LuHH89 -  Em seu Twitter você disse que a continuação do Perdida deverá sair em Maio e que a Edição esta bem caprichada, porém, gostaríamos de saber algo em primeira mão. O que podemos esperar?
@CarinnaRissi -  Só uma correção, a sequência não sai em maio. É Perdida, que está de casa nova e será relançado em maio pelo Verus. Ainda estou trabalhando na sequência e espero concluí-la até maio-junho, mas levará uns meses até esse trabalho chegar às livrarias. Trabalhar com a Sofia é um pouco complicado porque ela não é aquele personagem que segue o roteiro. Ela bagunça toda minha história, por isso é difícil adiantar alguma coisa. Tenho um roteiro, mas dependo de ela seguir ou não (e normalmente ele opta por não seguir), então o que posso adiantar é que Perdida 2 começa praticamente onde Perdida acaba, com os preparativos do casamento de Ian e Sofia. Haverá personagens novos e, claro, muita confusão.



@LuHH89 -  Alguns leitores estão perguntando quando será o lançamento da Obra “No mundo Da Luna”. Apresente esta obra pra quem ainda não conhece.
@CarinnaRissi -   Eu acredito que No Mundo da Luna saia ainda este ano, talvez no segundo semestre. Bem, o que eu posso dizer sobre esse livro...
A vida da Luna tá toda errada. O carro dela quebra a toda hora, o namorado está de caso com a vizinha, e seu emprego é uma droga! Ela acabou de se formar e está louca para se tornar a jornalista que sempre sonhou, mas o mais próximo que chegou disso foi a mesa da recepção da revista onde trabalha. Então a coluna do horóscopo semanal cai no colo dela e Luna nem hesita em aceitar, mesmo não entendendo lhufas do assunto e de não acreditar nessas coisas de astros, magia, destino. E aí que começa toda a confusão! Muita coisa acontece e Luna acaba encontrando um novo amor e se entrega a essa paixão arrebatadora, mesmo sabendo que não haverá futuro já que ele é o cara errado.



@LuHH89 -   Eu particularmente fui apresentada aos seus livros recentemente, contudo, gostaria de saber se você já esperava essa admiração e reconhecimento do sucesso de suas obras?
@CarinnaRissi -  Nem em meus sonhos mais loucos imaginei que meu trabalho seria tão bem recebido quanto foi. Fico maravilhada e assustada com tudo que tem acontecido com minha nova carreira. Não tenho palavras para agradecer tanto apoio e carinho. Meus leitores são os melhores do mundo!







@LuHH89 -   Conte-nos sobre os novos projetos?
@CarinnaRissi -  Bem, No Mundo da Luna está pronto e logo volto a trabalhar na sequência de Perdida. Tenho “meu irlandês” (não sei ainda como irei chamá-lo) quase pronto, que é um conto de fadas moderno. Ando namorando a ideia de uma sequência de Procura-se um Marido antes de dar início ao spin-off onde o Marcus, irmão do Max, será o protagonista. E ainda tem o livro da Mel, um projeto antigo que exigiu muita pesquisa e cuidado por falar de assunto sério (mas com bom-humor), que provavelmente sairá depois do Marcus.



@LuHH89 -  Diferente do Século IX onde se tinha tempo para apreciar a paisagem, o nosso dia-a-dia é um tremendo Corre-corre. Sendo assim, como encontra tempo e dedicação para criação das suas obras? As histórias vão surgindo a qualquer momento tendo que parar para fazer as anotações quando surge uma idéia nova para a continuação do enredo, ou dedica-se um tempo exclusivo para escrever?
@CarinnaRissi -   Hoje dedico todo meu tempo a escrita, divulgação, aproximação com os leitores que conquistei. As ideias não tem hora marcada para aparecer então vou anotando no celular para não esquecer e muitas vezes (especialmente com a Sofia), acabo vindo para o computador de madrugada.





@LuHH89 -  Existe algum grande sonho a ser realizado como Autora?
@CarinnaRissi -  Espero me firmar no cenário literário e conquistar mais leitores nesse percurso.



@LuHH89 -  Para finalizar, gostaríamos que deixasse uma mensagem aos admiradores e leitores das suas obras, principalmente aqueles como eu, que estou passando a adorar, e aos que já amam viver nesse mundo lindo da leitura.
@CarinnaRissi -  Quero agradecer a cada um de vocês pelo carinho, apoio e incentivo. É por vocês que tento sempre fazer o meu melhor.  Não deixem de acreditar em seus sonhos, sejam eles quais forem, porque eles podem, sim, se tornar reais, você só precisa acreditar! ;)




@LuHH89 -  Ai que delicia d entrevista gente!!!! Gostaria de agradecer a Carina Rissi pela oportunidade de proporcionar as seguidoras da Nova Leitora, um maior aprofundamento a respeito de suas maravilhosas obras.
@CarinnaRissi - Eu que agradeço, meninas. Adorei o convite!
Muito obrigada pelo carinho, viu? 
Amei demais responder as suas perguntas e das suas amigas. Manda um beijão para elas, por favor?
Espero que gostem!
Beijão
Carina Rissi





Espero que tenham todos gostado, espero sua Opinião abaixo.. ate a próxima!



3

3 comentários:

Aline Oliveira disse...

aaaaaai, porque a Carina tem que ser tão fofa? eu já estou aqui, planejando comprar todos os livros! hahahahaha'
O mundo de Luna, já sei que será apaixonante! A continuação de perdida, nem preciso comentar.. Mais a continuação de Procura-se um marido, vai ser um SONHO! *-*

É ótimo poder ler um livro e ter esse contato com os autores, agradeço seeeempre, por ter descoberto os livros incríveis como os da Carina! :)

Nossa, fiquei muuuito emocionada com a leitura da entrevista, foi tipo um bate papo entre amigas, amei! <3

Katia disse...

Ameiiiiiiiiiiiiii
Carina sua lindaaaaaaaaaaaa
te adoro mais ainda

Stephanie Antunes disse...

Se eu já queria os livros da Carina, agora eu quero mais... =)
Eu preciiso do livro do Max, só porque é inspirado no Mr. Darcy *_*
Ameei a entrevista.

www.minhasegundaface.blogspot.com.br

beeijos